Gestão: Palestras Mil! - Gabriel Galvão


Artigo enviado pelo palestrante.
Outubro de 2008

GESTÃO: PALESTRAS MIL!



Quem nunca assistiu a uma palestra de cunho corporativo que levante a mão! Acredito que todos já passaram por isso. Eu mesmo já vi diversas palestras. Numas me concentrei e aproveitei cada segundo; noutras não esperei chegar o final para sair arrependido e com a sensação de que perdi um precioso tempo. Nem sempre comparecer a uma palestra é vantajoso.



Palestras são formas rápidas de se fornecer treinamento ou aperfeiçoamento sobre um assunto específico e a um grupo limitado. Contudo, quando mal utilizadas ou prestadas por profissionais de competência duvidosa, tornam-se uma tortura. Para se evitar isso, alguns cuidados são necessários:



* Saber da formação do palestrante: com base na formação do profissional, pode-se ter uma idéia da qualidade da palestra que ele ministrará;



* Contratar o palestrante ideal para o tema: não adianta chamar um famoso engenheiro de minas para palestrar sobre marketing digital. Mesmo um profissional de marketing pode não resolver os problemas da empresa por meio da palestra se não for especializado nessa área. Portanto, quanto mais especializado, melhor;



* Combinar o método da palestra de acordo com a empresa: se a maioria dos espectadores for de porte sério, cisudo, carrancudo, não surtirá muito efeito um palestrante que utilize uma forma lúdica e cômica de conduzir a palestra.



Fora estes aspectos, existem ainda outros pontos a serem observados quando da contratação de um palestrante. Ter atenção a eles pode determinar se a palestra será um evento saudável para o funcionário e útil para a empresa ou se será somente um gasto de dinheiro em vão (exceto para o palestrante)!





Gabriel Galvão


Anuncie aqui! Veja condição de banner. Como elaborar palestras Seu palestrante está aqui! Quero me cadastrar
Desenvolvido pela iPixel tecnologia da informação